top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Daniel Ricciardo assume o lugar de Nyck De Vries na AlphaTauri

O piloto reserva da Red Bull volta ao grid depois da dispensa do novato holandês.


Por: Júlia Arruda, Setorista.


Foto: Reprodução/Getty Images

O GP de Silverstone acabou, mas a dança das cadeiras continua mais viva do que nunca. Com a falta de resultados entregues por Nyck De Vries, o piloto foi cortado da temporada 2023 da Fórmula 1 e seu substituto é um rosto bem conhecido no paddock, tanto pelo grid, quanto pela Red Bull: Daniel Ricciardo.


A batata do holandês assou tanto que queimou. Desde que entrou na AlphaTauri, no começo de 2023, não pontuou nenhuma vez e sua melhor colocação foi um 12° lugar no GP de Mônaco. É claro que a equipe tem uma série de problemas com o carro, que está longe de ser o melhor, mas isso não foi justificativa para manter De Vries na equipe. Seu companheiro, Yuki Tsunoda, teve um desempenho melhor na medida do possível, pontuando em algumas corridas e entregando alguns bons resultados.


Na manhã desta terça-feira (11), a paciência de Helmut Marko acabou e o consultor da RBR tomou a decisão de demitir Nyck e trazer para seu lugar Daniel Ricciardo, piloto australiano que já correu tanto no time austríaco, quanto na AlphaTauri (que na época, era Toro Rosso) e conhece bem o terreno em que pisa. Daniel já vinha apresentando um bom desempenho com o simulador e, como cereja do bolo, em Silverstone ele foi à pista com a Red Bull para testar os pneus Pirelli, sendo esse um fator determinante para a decisão final.


Ricciardo pilotava na McLaren na temporada passada, em 2022. Mas pelo mesmo motivo de Nyck de Vries, também perdeu o assento para o grid deste ano e decidiu ficar longe das pistas por um tempo para cuidar da saúde mental e física. Porém, foi só a Red Bull chamar que o australiano já deu as caras no box da equipe, ganhando o cargo de piloto reserva. Como Sergio Pérez e, principalmente, Max Verstappen estão consolidados em seus assentos, a oportunidade de pilotar veio da escuderia B.


“Estou muito feliz por receber Daniel de volta na equipe. Não há dúvidas sobre suas habilidades de pilotagem, e ele já conhece muitos de nós, então a integração será fácil e direto ao ponto. O time também vai se beneficiar muito com sua experiência, já que é um vencedor de oito GPs de F1. Gostaria de agradecer a Nyck por sua valiosa contribuição durante seu tempo na Scuderia AlphaTauri, e lhe desejo o melhor no futuro”, afirmou Franz Tost, chefe da AlphaTauri.

Na próxima etapa, no GP da Hungria, o piloto já estará correndo pela Alpha e ficará emprestado até o final da temporada.








Comentarios


bottom of page