top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Em Baku, Alpine pretende ter disputas com os principais times

Após o desastre em Melbourne, a equipe espera chegar confiante na próxima corrida.


Por: Carla Zapelini, Setorista.


Foto: Divulgação/BWT Alpine F1 Team

Após algumas mudanças entre Jeddah e Austrália, a próxima etapa irá marcar um novo período para o time francês. O desejo é chegar entre as três equipes da ponta.


“Olhando adiante, a diferença para o terceiro era grande. Temos que fechar essa lacuna. Mas, para isso, devemos nos desenvolver em um ritmo mais alto do que qualquer outra equipe de Fórmula 1, o que não é fácil de fazer”, explicou o chefe da equipe, Otmar Szafnauer, ao The Race.

O diretor técnico, Pat Fry, acrescentou:


“Estamos, em média, quatro ou cinco décimos atrás na classificação. Precisamos reduzir isso, não para alcançar a Red Bull, mas sim os outros. Além disso, existem algumas mudanças mecânicas razoáveis que fizemos para este ano que ainda estamos aprendendo.”

Fry destacou que para o GP da Itália, no dia 21 de maio, um novo pacote de atualizações será introduzido no A523.

Comments


bottom of page