top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Em Interlagos, George Russell vence a última corrida rápida da temporada

O piloto britânico e o W13 se mostraram superiores, conquistando a sua primeira vitória - não computada - na temporada e na Fórmula 1.


Por: Mel Ribeiro, Setorista.


Foto: Divulgação/Mercedes AMG F1

A Sprint Race deste sábado (12) foi emocionante do início ao fim. Com Kevin Magnussen largando na pole position, a euforia e as expectativas dos torcedores para uma boa corrida eram inevitáveis.


Sendo assim, mais uma vez, Interlagos não decepcionou os fãs e entregou boas disputas entre rivais - e companheiros de equipe -, além de ter dado a George Russell a sua primeira vitória. Contudo, a conquista não entra nas estatísticas da Fórmula 1, visto que a Sprint serve apenas como uma corrida classificatória.


Mostrando-se impecável, o piloto da Mercedes - que ontem teve uma classificação conturbada após rodar e provocar uma bandeira vermelha - enfrentou Max Verstappen e a sua Red Bull de igual para igual. O holandês liderava a corrida desde a terceira volta, quando ultrapassou Magnussen, e desde então Russell prontificou-se para caçá-lo e conquistar o P1.


O esforço de George deu frutos e foi recompensado na volta número 15, quando na Curva do Lago viu o seu rival ficar para trás. Os presentes no autódromo foram à loucura com dita ultrapassagem, e o piloto não escondeu a sua felicidade e emoção pela vitória após uma temporada difícil para Mercedes.


Pelo lado do atual campeão mundial, pode-se dizer que não teve uma Sprint fácil. Verstappen, que largou em segundo, finalizou a corrida na quarta colocação após ser ultrapassado por Sainz na 19ª volta e por Hamilton na 20ª. Ademais, Max teve danos na asa esquerda após ser tocado pelo espanhol da Ferrari.


Embora a briga entre as distintas equipes tenha sido acirrada e agitada, chamaram bastante a atenção os incidentes entre alguns companheiros de time. Stroll levou uma punição de 10 segundos por uma manobra perigosa após ter forçado Vettel a sair do traçado, e Alonso foi punido com cinco segundos e dois pontos na superlicença pelo toque com Ocon.


Com dita penalidade, Fernando caiu para a décima oitava posição e larga lado a lado com Esteban.


A respeito de incidentes na corrida em si, só houve uma bandeira amarela provocada por Albon, que parou na brita.


O pódio foi formado por Russell, Sainz e Hamilton, mas Carlos perde cinco colocações no grid final por uma troca no motor. Sendo assim, o piloto da Ferrari largará em sétimo e a primeira fila fica com a dupla da Mercedes.


A seguir, confira quais pilotos pontuaram na Sprint Race:


  1. George Russell - 8 pontos

  2. Carlos Sainz - 7 pontos

  3. Lewis Hamilton - 6 pontos

  4. Max Verstappen - 5 pontos

  5. Sergio Pérez - 4 pontos

  6. Charles Leclerc - 3 pontos

  7. Lando Norris - 2 pontos

  8. Kevin Magnussen - 1 ponto


Grid de largada provisório para a corrida que acontece amanhã (13), às 15h:


  1. George Russell

  2. Lewis Hamilton

  3. Max Verstappen

  4. Sergio Pérez

  5. Charles Leclerc

  6. Lando Norris

  7. Carlos Sainz

  8. Kevin Magnussen

  9. Sebastian Vettel

  10. Pierre Gasly

  11. Daniel Ricciardo

  12. Mick Schumacher

  13. Guanyu Zhou

  14. Valtteri Bottas

  15. Yuki Tsunoda

  16. Lance Stroll

  17. Esteban Ocon

  18. Fernando Alonso

  19. Nicholas Latifi

  20. Alexander Albon




Comments


bottom of page