top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

GP da China está fora da temporada 2023

Com o cancelamento da etapa, Azerbaijão e Portimão são as opções cotadas até o momento para substituí-la.


Por: Mel Ribeiro, Setorista.


Foto: Reprodução/F1

Nesta sexta-feira (02), a Fórmula 1 anunciou oficialmente o cancelamento do GP da China devido às restrições da Covid-19. Com isso, agora a categoria busca um país substituto para a etapa.


Com a vigência da política Covid-Zero, a corrida não acontece no local desde 2019. A data prevista para a prova em 2023 era 16 de abril, sob condicionamento do relaxamento das restrições a tempo da categoria ingressar na China e poder realizar o GP sem dificuldades.


Confira o comunicado oficial publicado pela F1:


“A Fórmula 1 pode confirmar, após diálogo com o promotor e as autoridades relevantes, que o GP da China de 2023 não acontecerá devido às dificuldades contínuas apresentadas pela situação do COVID-19. A Fórmula 1 está avaliando opções alternativas para substituir a vaga no calendário de 2023 e fornecerá uma atualização sobre isso no devido tempo."

Dessa maneira, quatro semanas separam o GP da Austrália (2 de abril) e o GP do Azerbaijão (30 de abril) na próxima temporada. A categoria tinha a intenção de adiantar a etapa em Baku, mas as autoridades insistiram em manter a data marcada. Sendo assim, a Fórmula 1 encontra-se avaliando as suas opções, as quais contam com Portimão - lugar sede das corridas canceladas em 2020 e 2021.

Comments


bottom of page