top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Horner é alvo de investigação interna e Red Bull o aconselha a pedir demissão

Atual campeã de construtores recebeu acusações contra o chefe da equipe por comportamento inadequado.


Por: Júlia Arruda, Setorista.


Foto: Reprodução/Erik Junius

Faltando menos de um mês para o retorno da Fórmula 1, as polêmicas continuam batendo na porta. Nesta segunda-feira (05), foi divulgado que o chefe da Red Bull, Christian Horner, está sendo investigado por comportamento inadequado.


A informação chegou através do jornal holandês De Telegraaf, o qual apontou um funcionário da RBR como o responsável pela denúncia. Contudo, o veículo de comunicação BILD publicou mais detalhes sobre a polêmica e informou que a acusação veio após o britânico enviar fotos indevidas para uma funcionária. Oliver Mitzlaff, diretor do departamento de esportes da equipe, priorizou a situação que é considerada extremamente séria dentro do time e deu início a uma investigação independente.


Enquanto Horner nega veementemente as alegações, o Motorsport-Total indica que a a escuderia austríaca teria até mesmo aconselhado o seu atual chefe a pedir demissão. Entretanto, o único pronunciamento oficial da atual campeã veio por parte do porta-voz oficial em resposta ao De Telegraaf:


"Esse processo, que já está em andamento, está sendo conduzido por um advogado especialista externo. A empresa leva essas questões extremamente a sério e a investigação será concluída o mais rápido possível. Não seria apropriado fazer mais comentários neste momento." 


Comments


bottom of page