top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Introdução do teto salarial pode ser nova polêmica na F1

A categoria já introduziu na última temporada o teto orçamentário, porém, não querem ficar só por aí. A Fórmula 1 tem o objetivo de inserir outros limitadores de gastos, desta vez em questões relacionadas a desenvolvimento de motores e salários dos pilotos.


Foto: Reprodução/Dan Istitene-Formula 1 via Getty Images

Na temporada 2021, o teto orçamentário limitou os gastos das equipes em 145 milhões de dólares, acabou sendo reduzido para 14o milhões nesta temporada e a ideia é reduzir para 135 milhões no próximo ano. Contudo, o valor não inclui os salários dos pilotos e tanto as equipes quanto a F1 estão trabalhando para que um teto seja criado.


É relevante ressaltar que várias equipes estão pedindo um reajuste nos 140 milhões, já que as pressões financeiras provocadas pela inflação e o crescimento no custo do frete por conta da pandemia e a guerra entre Rússia e Ucrânia estão os prejudicando. Uma das equipes a fazer tal pedido é a Ferrari, a qual afirmou no último GP que não é possível encerrar a temporada sem estourar o teto orçamentário. Claramente, há várias escuderias que não compartilham da mesma opinião indicando que as equipes maiores podem utilizar o dinheiro do aumento para continuar desenvolvendo os carros.


Retornando ao teto salarial, se por um lado as equipes e a categoria concordam com esta ideia, pelo outro há alguns pilotos que não são muito favoráveis a tal coisa. O plano apresentado determinava um limite de 30 milhões de dólares para os times cobrirem os salários dos seus dois pilotos, e, caso esse valor fosse estourado, a diferença teria que ser tirada do teto orçamentário.


Alguns dos nomes que são contra o teto salarial são os de Lewis Hamilton e Fernando Alonso. O heptacampeão chegou a dizer que isso poderia afetar os pilotos mais jovens em meio a restrições no direito de imagem, enquanto o espanhol foi um pouco mais ríspido em relação ao que pensa ao respeito.


"Não acho necessário, os pilotos sempre estiveram fora desse tópico. Eles nos usam cada vez mais para promover a F1, fazemos cada vez mais eventos e temos mais contato com os fãs. Eles cobram cada vez mais de nós e se beneficiam disso, então deveríamos ficar fora desse teto. É bem complicado."

Comments


bottom of page