top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Jost Capito deixa o comando da Williams em 2023

Na última segunda-feira (12), a equipe anunciou a saída do alemão a partir da próxima temporada.


Por: Valentine Boutsiavaras, Setorista.


Foto: Divulgação/Williams Racing

Após a venda do time para o grupo Dorilton Capital, em 2020, Capito assumiu o comando da Williams substituindo Simon Roberts. Os dois foram os primeiros chefes da equipe depois da família Williams.


No anúncio da escuderia, Jost afirmou:


“Tem sido um grande privilégio liderar a Williams Racing nas duas últimas temporadas e estabelecer as bases para a recuperação desta grande equipe. Estou ansioso para ver a equipe continuar em seu caminho para o sucesso futuro."

O presidente da Dorilton Capital, Matthew Savage, agradeceu o trabalho do alemão na equipe:


"Gostaríamos de agradecer a Jost por seu trabalho árduo e dedicação ao embarcarmos em um grande processo de transformação para iniciar a jornada de reviver a Williams Racing. Estamos gratos por Jost ter adiado sua aposentadoria planejada para enfrentar esse desafio e agora ele passará as rédeas para a próxima parte deste processo encenado."

Em sua primeira temporada comandando a Williams, em 2021, Capito ajudou a levar a equipe britânica de volta à zona de pontuação, conquistando o oitavo lugar no Campeonato de Construtores com 23 pontos e um pódio de George Russell no Grande Prêmio da Bélgica.


Em 2022, porém, o time ficou apenas com o décimo - e último - lugar no campeonato, com 8 pontos do recém-chegado, Alex Albon.


Para o próximo ano, a Williams continuará com o tailandês na escuderia, mas com a adição do piloto estadunidense, Logan Sargeant. O substituto de Jost Capito ainda não foi anunciado.








Comments


bottom of page