top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Mercedes trará mudanças visíveis no carro, visando diminuir o atraso aerodinâmico

Em entrevista ao podcast F1 Nation, Andrew Shovlin revelou algumas das atualizações que o W13 terá em Silverstone.


Por: Larissa Araujo, Setorista.


Foto: Divulgação/Mercedes AMG F1

A Mercedes promete mudanças visíveis em seu carro para o Grande Prêmio da Grã-Bretanha, em Silverstone. As informações foram reveladas por Andrew Shovlin, diretor de engenharia de pista da equipe alemã, ao ser entrevistado no podcast ‘F1 Nation’. Shovlin divulgou que o W13 chegará com novas asas e um novo assoalho com o intuito de reduzir o atraso aerodinâmico.


Cada final de semana, o time conta com um pacote novo de atualizações, onde na maioria das vezes as mesmas são testadas no carro de Lewis Hamilton. Porém, analisando os últimos resultados, as atualizações não surtiram o efeito necessário para tentarem diminuir a diferença existente com a RBR e a Ferrari, exceto pela última corrida onde a equipe conseguiu um resultado positivo e teve seus dois pilotos na frente da F1-75 de Charles Leclerc.


Ao ser questionado durante a entrevista se a Mercedes iria mudar os sidepods, o diretor prontamente respondeu:


"Não exatamente, mas estamos olhando para asas dianteiras, asas traseiras diferentes, haverão algumas mudanças no piso. Muito desenvolvimento este ano está acontecendo sob os carros onde as pessoas não o veem, mas isso será um pouco mais óbvio para quem estiver olhando”.

Por outro lado, Toto Wolff - chefe da equipe - disse estar satisfeito com os últimos resultados, mas ressaltou que ainda há muito trabalho para diminuir a diferença que os separa de seus correntes.


"É preciso muito trabalho para se chegar à frente, mas agora temos uma direção mais clara. Estamos focados em achar ainda mais desempenho conforme a temporada avança.”

Comments


bottom of page