top of page
  • Foto do escritorBatom Na Pista

Williams: James Vowles assume cargo de chefe de equipe

A equipe anunciou a contratação do ex-funcionário da Mercedes para o cargo de chefe da equipe. Vowles irá ocupar a vaga deixada por Jost Capito.


Por: Valentine Boutsiavaras, Setorista.


Foto: Divulgação/Williams Racing

James se tornará apenas o terceiro chefe de equipe nos 46 anos de história da Williams, depois de Frank Williams e Jost Capito, que anunciou sua saída em dezembro do ano passado.


O britânico tem uma carreira de 21 anos na Fórmula 1, a qual inclui passagem por equipes como a Honda Racing, Brawn GP e British American Racing.


Mas desde 2010, James foi fiel à Mercedes, desempenhando um papel fundamental na dominância da equipe na categoria. Seu cargo mais recente na escuderia alemã foi como Diretor de Estratégia, posição que ocupou por mais de quatro anos trabalhando diretamente com Toto Wolff, chefe do time.


Ao falar sobre a saída de seu companheiro de anos, Toto disse estar “triste por dizer adeus a um membro tão capaz”.


“Tendo trabalhado com ele desde que entrei para a equipe em 2013, sei o quão diligente, capaz e talentoso ele é e tive grande satisfação em ver James se desenvolver e crescer na última década.”

"Embora estejamos naturalmente tristes por dizer adeus a um membro tão capaz da equipe, não tenho dúvidas de que ele tem todas as habilidades necessárias para se tornar um fantástico chefe de equipe na Fórmula 1. Desejamos a ele todo o sucesso e estamos muito satisfeitos que ele dará o próximo passo em sua carreira com a Williams, uma parceira importante e que tem um lugar próximo ao meu coração”, completou.

Foto: Divulgação/Mercedes AMG F1

Falando sobre sua saída da Mercedes após mais de 12 anos com a equipe, James citou:


“A Mercedes tem me apoiado muito em minha jornada e nos separamos em excelentes termos. Sou grato por tudo que Toto e a equipe fizeram por mim, e foi uma experiência muito especial caminhar juntos pelos fracassos e sucessos.”

Vowles irá liderar uma equipe pela primeira vez em sua carreira, e afirma:


“Mal posso esperar para começar com a Williams Racing. É uma honra fazer parte de uma equipe com uma herança tão rica. A equipe é um ícone do nosso esporte, que respeito muito e estou ansioso pelo desafio.”

“A Williams Racing depositou sua fé e confiança em mim, e farei o mesmo em troca. A equipe tem um tremendo potencial e nossa jornada juntos começa em questão de semanas", encerrou o novo chefe da equipe.

James inicia o seu novo trabalho em fevereiro, antes do primeiro Grande Prêmio da temporada, e enfrentará o desafio de reerguer a Williams, que terminou 2022 na última colocação com apenas 8 pontos.









Kommentare


bottom of page